SERVIÇOS

PROCESSOS APLICADOS

• Limpeza Química Pré-Operacional.
• Limpeza Química Operacional (manutenção).
• Decapagem e Apassivação de Equipamentos e Tubulações de Aço Inoxidável conforme ASTM.
• Decapagem, Flushing e filtragem em sistemas hidráulico, lubrificante, graxa e ar/óleo, com análises de contaminação conforme as Normas NAS 1638 e ISO 4406.
• Secagem e Inertização de Tubulações e Equipamentos.
• Testes hidrostáticos de Tubulações e Equipamentos.
• Limpeza mecânica de Tubulações com passagem de PIG’s.
• Lavagem e flushing com água em tubulações novas.
• Desengraxe e apassivação em equipamentos e tubulações de sistemas de água de refrigeração (AR/AM).
• Inspeção por boroscopia e vídeo inspeção em tubulações e equipamentos.

SISTEMAS TRATADOS

O processo de Limpeza Quimica, Mecânica, Flushing, Secagem e Inertização se aplica às unidades novas (comissionamento para início da operação) e às unidades em operação (manutenção preventiva e corretiva). Os sistemas que mais utilizam esses processos são:

• Caldeiras, geradores de vapor, água de alimentação de caldeiras e condensado.
• Equipamentos, tubulações, tanques, instrumentação para a produção e distribuição de Oxigênio, Nitrogênio, Cloro, Peróxido de Hidrogênio, Ozônio, Hidrogênio, Ar Comprimido e Gás Carbônico.
• Tubulações de óleo de acionamento hidráulico e de lubrificações a graxa e óleo.
• Tubulações de sucção de compressores alternativos e centrífugos (Gás, Oxigênio, Hidrogênio etc.).
• Tubulações de vapor de alimentação de turbinas de geradores de energia, acionamento de compressores e turbinas de bombas de grande porte.
• Sistemas de transferência de calor por fluído térmico (aquecedores, tubulações e radiadores, reatores e outros consumidores).
• Tanques de armazenamento e linhas de transferências de produtos acabados de alta pureza.
• Serpentinas de reatores, colunas de destilação, condensadores de superfícies e trocadores de calor.
• Outros sistemas, sob consulta das necessidades específicas de cada usuário.

METODOLOGIA

• Métodos: dependendo das instalações, geometria dos equipamentos e tubulações, os métodos comumente aplicados são: circulação mecânica forçada, imersão, circulação/aspersão, fase vapor ('vapor phase') e passagem de PIG.

• Fases: desengraxe/decapagem ácida e alcalina, neutralização e apassivação.

• Metas: recuperação de troca térmica, vazão, eliminação de produtos de corrosão, incrustações, depósitos, contaminantes orgânicos e inorgânicos.

• Compatibilidade Química: todos os processos químicos são desenvolvidos de acordo com a metalurgia dos equipamentos ou tubulações tratadas, eliminando fatores com risco de corrosão que possam comprometer a integridade física e mecânica dos mesmos.

Normas aplicadas: ASTM A380 - ASTM G93 - ASTM A967.

ESCOPO

No fornecimento disponibilizamos todos os recursos necessários tais como: engenharia aplicada, procedimentos técnicos, normas técnicas, planejamento, mão-de-obra especializada, equipamentos de aplicação, produtos químicos, mangueiras especiais, acessórios e instrumentação, tanques, serviços de meio ambiente, segurança e medicina do trabalho.